Desenvolvimento Django Python

Configurando o Django admin

7 de janeiro de 2019

Configurando o Django admin

Neste artigo veremos como iniciar o admin no Django e ainda adicionaremos algumas funcionalidades como filtro e busca para os nossos registros.

Django admin

Fala aí, tudo bem? este post faz parte de um projeto que estamos construindo sobre Django, o que você vai ler a seguir é é uma continuação de uma série de artigos  sobre esse assunto,  se você quiser ficar por dentro dos outros posts confira abaixo!

Posts anteriores e repositório:

Se você caiu direto neste post, saiba que esta é a sexta parte do tutorial, confira o resto da série:

  1. Instalando Django 2 e criando um projeto;
  2. Criando rotas e views;
  3. Introdução aos templates do Django;
  4. Adicionado Bootstrap ao projeto;
  5. Criando um model e entendendo migrations;

Para quem quer clonar o projeto ou dar um fork clique aqui!

Para você que caiu de paraquedas no meio deste tutorial:

Caso você queira só aprender como funciona o admin do Django, peço que antes de seguir para a próxima etapa, digite o seguinte comando no seu terminal, dentro de um projeto que você tenha, na pasta que se encontra o arquivo manage.py:

python manage.py migrate

Com este comando você irá migrar os dados de admin do Django que estão nos models para tabelas.

Porém, você não terá o nosso model Post que criamos no post passado, recomendo fortemente que o leia a fim de criar este model e poder acompanhar normalmente.

Entretanto com o passo acima você já ganha um model de usuários que tem alguns atributos, e já serve para começar.

Continuando a saga:

Bom, nós no último post criamos o model Post e as migrations, agora temos acesso ao admin, digite o comando para rodar o servidor no terminal:

python manage.py runserver

E vá até a url que o Django indicou, provalvemente 127.0.0.1:8000 e acesse /admin, você verá uma página de login como esta:

Como não temos usuário ainda, vamos a linha de comando digitar o seguinte comando para criar um:

python manage.py createsuperuser

Um detalhe: como expliquei acima para quem chegou de paraquedas, o Django com as migrations de admin já cria um model de usuários, assim nos livramos dessa preocupação e podemos ir trabalhando dentro do admin.

Insira as credenciais e informações que o Django solicita:

E…

Basta acessar o Django admin com as credenciais criadas. 🙂

Perceba que lá dentro são mostrados alguns models, como o de usários criado pelo Django, mas o nosso de Post do projeto não, então vamos ajustar isso.


Só que antes, vamos fazer um pequeno upgrade no código, criamos o model no tutorial passado mas não definimos um autor para o post e como todo post tem um autor precisamos fazer isso agora.

Abra o arquivo models.py do blog e deixe-o assim:

from django.db import models
from django.contrib.auth.models import User

class Post(models.Model):
 POST_STATUS = (
  ('active', 'Ativo'),
  ('draft', 'Rascunho')
 )
 title = models.CharField(max_length=200)
 body = models.TextField()
 author = models.ForeignKey(User, on_delete=models.CASCADE)
 created_at = models.DateField(auto_now_add=True)
 updated_at = models.DateField(auto_now=True)
 status = models.CharField(max_length=15, choices=POST_STATUS)

Importamos o model User do próprio Django, isso é bom porque só precisamos cuidar da hierarquia e permissão de acesso, que já vem pronto no Django também, mas nós podemos selecionar para cada usuário, assim não precisamos separar usuários comuns de administradores.

Além disso, estamos criando o atributo author para a nossa classe Post, uma outra coisa nova em relação a aula passada é que agora estamos utilizando ForeignKey que é a conhecida chave estrangeira, linkando nosso post a um usuário, além disso o atributo on_delete, que quando utilizado com CASCADE significa que se deletarmos um usuário deletaremos todos os posts dele.

Agora rode os comandos de migração:

python manage.py makemigrations
python manage.py migrate

Pronto, tudo certo, agora vamos continuar o tutorial da parte administrativa. 🙂

Abra o arquivo admin.py do aplicativo blog e deixe-o assim:

from django.contrib import admin
from .models import Post

admin.site.register(Post)

Aqui estamos importando o Post, nosso model, para o admin, agora recarregue novamente a página e veja que o Post apareceu!

Agora vamos registrar alguns posts clicando em Add.

Caso você tenha adicionado alguns, perceba que a descrição fica desse jeito bem bizarro:

Isso acontece porquê não informamos ao Django o que queremos mostrar ali, vamos ajustar isso alterando nosso arquivo models.py de blog, insira dentro da classe Post o seguinte código:

def __str__(self):
     return self.title

A função __str__ retornará para onde quer que nosso objeto seja chamado, no admin ocorre mais vezes, um valor que escolhemos da nossa classe, que neste caso foi o título do post, como um título para identificarmos ela.

Veja agora como ficou a listagem:

Bem mais claro, certo?

obs: Caso após alguma alteração o Django não mostre corretamente as informações: reinicie o servidor que startamos sempre que vamos trabalhar com o projeto, isso serve também para quando adicionarmos algum arquivo.

Atributos no admin e busca:

Imagine agora que nosso blog cresce do dia para a noite e tem 10000 posts, como vamos procurar um antigo para editar? como vamos filtrar por alguma característica dele? excluir um determinado post?

É aí que o Django mostra mais uma de suas funcionalidades built-in para nós, vamos abrir o arquivo admin.py de blog, e deixa-lo assim:

from django.contrib import admin
from .models import Post

class PostAdmin(admin.ModelAdmin):
    list_display  = ('title', 'author', 'created_at', 'updated_at', 'status')
    search_fields = ['title']
    prepopulated_fields = {"slug": ("title",)}

admin.site.register(Post, PostAdmin)

Bom, aqui adicionamos uma classe chamada PostAdmin com uma variável chama list_display que irá criar uma lista de atributos a ser exibida, no caso escolhemos título, autor, data de criação, atualização e status.

Depois criamos search_fields, que determinará que campos serão utilizados para nossa busca, escolhemos título pois é um bom atributo para filtro por busca.

E por fim com prepopulated_fields o campo slug ficará semelhante ao título quando digitarmos este.

Ex:
Titulo = Um grande post
Slug = um-grande-post

Além disso registramos essa classe no admin também.

Veja como ficou:

Conclusão:

Neste artigo vimos como criar o admin do Django, os passos são os seguintes: fazer a migração com makemigrate e depois criar um usuário para acessar com createsuperuser.

Mas lembre-se que se você criou um model deve antes usar o makemigrations.

Depois disso registramos nosso model para aparecer na área administrativa e adicionamos alguns posts.

Por fim adicionamos recursos de busca e mostramos alguns atributos no admin para que seja possível encontrar o post que queremos mais facilmente.

E não para por aí, o admin do Django nos oferece muitos recursos poderosos ainda, quem sabe num próximo post a gente não avance nele? 🙂

Confira também o nosso canal do Youtube com muito conteúdo sobre programação, clicando aqui.

Bom, por hoje é só pessoal, obrigado por lerem até o fim, se possível se inscrevam na minha lista e compartilhem o artigo com os amigos, me ajuda bastante. 😀

Caso tenham alguma dúvida, escrevem na área de comentários abaixo.

Obrigado e até o próximo!

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Alcione

Oi quando adiciono “prepopulated_fields = {“slug”: (“title”,)}” da erro!!
Como resolver??
Obrigado

Battisti

Oi Alcione, poderia me mostrar seu código completo? pode ser no Github, valeu!

2
0
Would love your thoughts, please comment.x