Desenvolvimento

Melhores maneiras de testar a performance de um site

30 de dezembro de 2019

Melhores maneiras de testar a performance de um site

Neste artigo vou mostrar as melhores maneiras de testar a performance de um site, recursos incríveis e gratuitos que lhe darão ideias de como você pode melhorar

performance do site capa

Uma grande preocupação de todos que tem um site é o tempo de resposta ou performance do site

Quanto tempo demora para responder? TTFB (Time To First Bite)? As imagens estão otimizadas? Tem algum JavaScript travando o carregamento?

Todas questões interessantes quando desejamos fazer um trabalho de qualidade

Além disso, caso você não saiba, todos estes pontos afetam diretamente o SEO (Search Engine Optimization)

O SEO é uma métrica ‘secreta’ responsável por alavancar seu site nos resultados de busca do Google, ou seja, te deixar nas primeiras páginas

Então podemos deduzir que quanto mais performático o site está, melhor posicionando no Google e mais visitas orgânicas ele terá

Como testar a performance de um site

Dada a introdução sobre a importância de ter um site com respostas rápidas, imagens e código otimizados

Vamos ver agora as maneiras de testar a performance de um site

E a boa notícia é que todos estes recursos são sites comuns, o que torna o teste muito mais fácil pois o processo não é complicado, não precisamos instalar nada ou inserir código, apenas ter a URL do nosso site

Temos 3 grandes ferramentas, pelo menos em 2019-20 são as mais utilizadas 😀

1 – Page Speed Insights

Você pode acessar o site clicando aqui!

exemplo page speed

O Page Speed Insights é da própria Google, ou seja, seguindo as suas recomendações entende-se que você terá um SEO melhor

Além disso como nos últimos tempos temos uma esmagadora maioria de pessoas acessando sites via mobile

Ele da um foco maior para dispositivos móveis, veja que a primeira aba da foto que eu compartilhei aqui é Mobile

Além disso a página apresenta métricas como tempo de primeiro conteúdo exibido, tempo até ficar ativa e índice de velocidade

Depois há uma seção de diagnóstico onde o Google faz sugestões de melhorias, para o seu score ser melhor por esta métrica

2 – GTmetrix

Você pode acessar o site clicando aqui!

exemplo gtmetrix

Quer se especializar em Desenvolvimento Web? Veja o nosso catálogo de cursos.

Já no GTmetrix, temos métricas um pouco diferentes

O foco é em tempo de carregamento total, peso da página e número de requisições

E as sugestões que o GTmetrix faz são baseadas numa grade (nota) de 0 a 100

Então ele tem diversos tópicos como: minify HTML, minify CSS, otimização de imagens

E você clicando em cada item destes tem uma análise detalhada do que poderia ser melhorado

Eu particularmente acho este serviço o melhor, pois as dicas são bem direcionadas no que precisa ser feito, sem rodeios

Perceba também que estas maneiras de testar a performance de um site, são bem similares mas a diversidade de detalhes de cada uma pode te ajudar a melhorar seu site em todos os aspectos possíveis

3 – Pingdom

Você pode acessar o site clicando aqui!

exemplo pingdom

O Pingdom é excelente e tem uma pegada de GTmetrix, apresenta as informações em detalhes minuciosos

E faz ainda uma divisão dos impactos de cada aspecto, por exemplo: peso de HTML, CSS, Imagem e etc…

Com isso você consegue analisar separadamente os pontos que estão deixando seu site mais lento

Conclusão

Neste artigo apresentei as três maneiras de testar a performance de um site que eu mais uso e gosto

O nível de riqueza de detalhes é muito alto e há tanto pontos simples quanto complexos para serem melhorados

Então não há desculpa para não melhorar a performance e consequentemente o SEO do seu site 😀

E por hoje é isso, até o próximo post!

Confira também nosso curso de HTML e CSS gratuito no YouTube clicando aqui! Onde criamos um site do 0 até o resposivo 😀

0

Programador apaixonado pelo mundo das tecnologias, sempre buscando em aprender e se aprofundar em linguagens, frameworks e o que mais for necessário para executar um bom trabalho. Agora tem uma nova missão que é de passar seu conhecimento adiante para formar novos programadores e especializar mais os que já são.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of